Compartilhando conhecimento.

Marcadores

Theme Support

Unordered List

Recent Posts

domingo, 9 de julho de 2017

Personagens da Engenharia - Leonardo da Vinci



Grande parte do conhecimento que gregos e romanos acumularam no ramo da engenharia de estruturas foi perdido durante a Idade Média, sendo somente Leonardo da Vinci (1452 - 1519) recuperado a partir do Renascimento. Neste período, houve um ressurgimento do interesse pela ciência, e talentos artísticos apareceram nos campos da arquitetura e da engenharia. Leonardo da Vinci (1452 - 1519) foi o nome de maior destaque naquela época. Ele não foi apenas o principal artista de seu tempo, mas também um grande cientista e engenheiro. Ele não escreveu livros, mas muita informação foi encontrada em seus cadernos, demonstrando suas grandes descobertas em vários ramos da ciência. 
Leonardo da Vinci interessava-se muito pela mecânica e em uma de suas anotações ele atesta: “a mecânica é o paraíso da ciência matemática porque é onde colhemos os frutos da matemática”. Leonardo da Vinci usa o método dos momentos para a solução de muitos problemas, e aplica a noção do princípio dos deslocamentos virtuais para a análise de diversos sistemas de polias e alavancas. Ele também demonstrava ter uma ideia correta quanto à sustentabilidade proporcionada por um arco.
Leonardo da Vinci estudou a resistência dos materiais estruturais experimentalmente. Ele declarou o seguinte princípio a partir de suas análises da resistência de vigas: “em todo objeto que é apoiado, mas que pode se curvar, e que apresenta seção transversal e material uniformes, a parte que está mais distante dos apoios será a que mais vai se curvar”. Ele recomenda que uma série de testes sejam realizados, começando com uma viga que possa sustentar uma carga definida quando apoiada em ambos os lados, e depois testando-se sucessivamente vigas mais compridas da mesma espessura e largura, e registrando-se qual a carga que estas poderiam suportar. Sua conclusão foi de que a resistência de vigas apoiadas em ambas extremidades varia inversamente com o comprimento e diretamente com a largura.
Ele também realizou alguma investigação em vigas tendo uma extremidade fixa e outra livre e atesta: “se uma viga de 2 braças de comprimento suporta 100 libras, uma viga de 1 braça de comprimento suportará 200. Quanto mais vezes o menor comprimento é contido no maior, tantas mais vezes mais carga que o maior aquele comprimento suportará.” Quanto ao efeito da espessura sobre a resistência de uma viga, não há afirmações definidas nas anotações de Leonardo da Vinci. Aparentemente, Leonardo da Vinci também fez algumas investigações sobre a resistência de colunas. Ele afirma que esta varia inversamente com seus comprimentos, mas diretamente com o raio de suas seções transversais.
Estas realizações de Leonardo da Vinci representam talvez a primeira tentativa de aplicar a estática na determinação das forças que agem nos elementos das estruturas, e também os primeiros experimentos para a determinação da resistência dos materiais estruturais. Contudo, estes impor- tantes avanços foram enterrados com da Vinci em suas anotações, e os engenheiros dos séculos quinze e dezesseis continuaram, como na era romana, a dimensionar elementos estruturais contando apenas com a experiência e com o bom-senso.


Fonte/Créditos: http://www.lem.ep.usp.br/pef2308/antigo/2001.1/intro_02.htm

0 comentários :

Postar um comentário

Os comentários estão sujeitos à aprovação.